Como embaixadora do surf feminino na América do Sul, Marina Werneck prestigia etapa brasileira do mundial da WSL

Começou nesta sexta-feira (11) a etapa brasileira da World Surf League (WSL) em Saquarema, na Praia de Itaúna, na Região dos Lagos, e Marina Werneck estará lá prestigiando o evento e realizando algumas ações ao lado da Oi, da Jeep e da Hurley (o Hurley Surf Club acontecerá durante todo o evento). Durante a competição, Marina será anunciada oficialmente pela WSL como a embaixadora do surf feminino na América Latina.
O Brasil será representado por 17 atletas, 14 homens e três meninas. Entre as meninas o time oficial tem Silvana Lima e Tatiana Weston-Webb, além da surfista que vai sair da disputa da triagem que vai ter a catarinense Tainá Hinckel (melhor brasileira no QS depois das atletas da elite), a ubatubense Luana Coutinho (Campeã Brasileira), a saquaremense Kayane Reis (Campeã Carioca) e a Taís de Almeida (vice-campeã carioca e indicada pela Associação de Surf de Saquarema).
Diariamente, entre as 6 e 7 horas da manhã, o comitê técnico avalia as condições do mar e determina se o dia será “ON” ou “OFF” durante o período de realização da competição, além do local que será realizado, se na Praia de Itaúna ou na Barrinha. As primeiras informações de cada dia poderão ser acessadas no www.worldsurfleague.com que vai transmitir a etapa brasileira ao vivo para o mundo todo.
Segundo a Secretaria de Turismo da cidade, a expectativa é de que entre 13 e 15 mil pessoas acompanhem o evento nos dias de semana – um número maior que o ano passado, quando Itaúna recebeu em média 10 mil pessoas nos dias de semana. Para os finais de semana, o número cresce. A expectativa, ainda de acordo com a Secretaria de Turismo, e de que entre 50 e 60 mil pessoas assistam às baterias nos sábados e domingos.